• Agrobid

Cepea: clima prejudica produção de hortifruti

Cenário pode resultar em queda na exportação de frutas
Imagem via Unsplash
Imagem via Unsplash

A revista Hortifruti Brasil, publicação do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), traz um tema muito comentado neste começo de ano: o clima. Nos últimos 12 meses, importantes regiões produtoras de frutas e hortaliças enfrentaram secas, geadas e, agora em janeiro, chuvas muito acima da média histórica. A adversidade mais recente está em parte relacionada ao fenômeno climático La Niña, que está atuando no Brasil desde o final do ano passado e tem provocado excesso de chuvas no Nordeste e precipitações abaixo da média ou irregulares na região Sul do País.


Qualidade das frutas

Esse cenário tem influenciado negativamente a produção de hortifruti e pode, inclusive, resultar em queda na exportação de frutas. Isso porque as chuvas acima da média no Nordeste têm desfavorecido a qualidade de frutas que são produzidas para venda externa, como é o caso da uva, no Vale do São Francisco. E, no Sul do Brasil, o volume irregular de chuvas pode limitar o desenvolvimento da maçã para exportação.


Prejuízo na lavoura

Além da qualidade, a alta umidade tende a diminuir a produtividade e levar a perdas, o que, por sua vez, causa prejuízos no campo, mesmo diante de possíveis altas nos preços, por conta da menor oferta. O clima desfavorável (com excesso ou falta de chuvas) também aumenta a necessidade de intensificação de cuidados fitossanitários preventivos e, consequentemente, amplia o custo médio de produção, que, vale lembrar, já está elevado por conta da forte valorização dos insumos.


Produtividade no Sul

Já no Sul, embora as chuvas abaixo da média causem alguns danos à produção e receios de falta de água para irrigação, em muitos casos, registra-se aumento da produtividade frente a anos em que o regime pluviométrico ocorre dentro ou acima da média no período. Isso porque chuvas volumosas tendem a prejudicar mais a produção do que o clima seco, especialmente quando se levam em conta áreas irrigadas.


Oportunidade!

Pensando em investir em gado? Confira as opções de touros e novilhas disponíveis no nosso marketplace. Clique aqui e acesse.

1/58