• Agrobid

Chapa “ABCZ Mais Forte” quer levar inovação e transparência à nova gestão

Zebu para o Mundo recebeu Gabriel Garcia Cid, candidato à presidência da ABCZ

Foto: reprodução/Youtube

O programa Zebu para o Mundo recebeu mais um pré-candidato à presidência da Associação Brasileira dos Criadores de Zebu, Gabriel Garcia Cid, que lidera a chapa “ABCZ Mais Forte”. Gabriel faz parte da terceira geração de uma das famílias mais tradicionais na criação de gado zebuíno no Brasil. Desde criança convivendo na lida da pecuária, Gabriel Garcia acredita que pode levar mais inovação e transparência para a nova gestão da ABCZ.

“Já andei em 19 estados e 67 cidades, levando nossas propostas e tendo a oportunidade de ouvir os criadores de perto. O tripé da nossa gestão é trabalhar com transparência, participação e principalmente respeito, ouvindo os nossos associados. Isso é fundamental para uma gestão mais eficiente”, pontuou durante a entrevista.

Atenção aos pequenos produtores

Buscando contribuir com a evolução da pecuária zebuína no Brasil, Gabriel Garcia Cid acredita que é preciso dar atenção a todas as pessoas que fazem parte da cadeia pecuária. “Nós queremos dar atenção para os pequenos produtores, para que eles se tornem médios e os médios se tornem grandes. Para isso, queremos estar perto deles, ouvindo suas queixas e sugestões e atendendo suas demandas”.


Planos para aumentar a eficiência produtiva do rebanho zebuíno

Durante o bate-papo, Gabriel destacou assuntos importantes que farão parte de sua gestão, caso seja eleito, com foco no aumento da eficiência produtiva da pecuária zebuína brasileira.


Comunicação – “Vamos fazer um departamento de marketing que comunique melhor para os nossos associados, mostrando dados, pesquisas de como ele pode ter mais lucratividade com a genética melhoradora, por exemplo”.

Melhoramento de pastos degradados – “A quantidade de pasto degradado no nosso país nos mostra que não precisamos aumentar a área, mas sim cuidar das áreas que já temos para produzir mais, utilizando a prática da Integração-Lavoura-Pecuária. Podemos produzir mais com menos”, enfatizou..

Mais foco nos produtores de leite – “A genética leiteira já é muito procurada pelo mundo inteiro. Nós vamos criar, na nossa gestão, uma diretoria técnica específica do leite, para atender melhor às necessidades dos nossos associados. Também promover feiras e eventos voltados para o leite”.

Incentivo a programas sociais – “É importante dar apoio a programas que já existem na ABCZ, que buscam abrir os olhos de todas as pessoas para a importância da entidade e da pecuária como um todo. Trazer as crianças para conhecer o processo produtivo e abrir espaço para cuidados médicos de associados na ABCZ, por exemplo, podem ganhar mais destaque nessa gestão”.


Assista ao programa Zebu para o Mundo na íntegra clicando no link abaixo!


1/105