• Agrobid

O que você precisa saber sobre o La Niña

Updated: Nov 12, 2021

Especialista da Rural Clima alerta sobre chuvas irregulares




A La Niña está de volta! Entre os meses de outubro/2021 a fevereiro/2022 o clima estará sob influência da La Niña. O que isso quer dizer?


Segundo a equipe da Rural Clima, analisando os gráficos de previsão de ENSO(El Niño-Southern Oscillation) para os próximos meses, observa-se que apenas o

NOAA( National Oceanic and Atmospheric Administration) está potencializando a La Niña.


Os demais modelos preveem a formação, mas de maneira bem mais moderada. Desse modo, os mapas de previsão da NOAA/CFSv2 preveem anomalias de chuvas bem mais negativas ao sul da América do Sul.


Segundo Marco Antonio dos Santos, agrometeorologista, a Rural Clima acredita que haverá sim períodos de chuvas mais irregulares ao longo dos meses de novembro a janeiro, mas não uma total ausência, como o modelo da NOAA/CFSv2 prevê.


Veja com os alertas para as regiões:


  • Possibilidade de chuvas irregulares ao longo dos meses de novembro e dezembro. Não será uma total ausência de chuvas, mas terá chances de intervalos de até 15 dias entre uma e outra.


  • Possibilidade de chuvas irregulares entre o final de dezembro e janeiro sobre o MAPITOBA, norte de Minas Gerais, metade norte de Goiás e nordeste de Mato Grosso


  • Para o Paraguai existe a possibilidade de chuvas mais irregulares entre novembro e dezembro, com possibilidades de intervalos de 10 a 15 dias entre as chuvas.


  • Excesso de dias chuvosos – risco de invernada – em Mato Grosso, Goiás e Minas Gerais entre o final de janeiro e a 1ª quinzena de fevereiro.


  • Entrada de massas de ar polar de fraca intensidade ao longo dessa primavera sobre a metade sul do Brasil, sem riscos para geadas extremamente tardias.


Oportunidade - Confira as opções de máquinas agrícolas disponíveis no Superbid Marketplace:





1/58