• Agrobid

Operação de Satélites deve levar Internet à área rural

A expectativa é conectar o campo em todas as regiões do Brasil


(Foto: reprodução site Anatel)
(Foto: reprodução site Anatel)

Não é de hoje que o Agronegócio aponta a necessidade de expansão da internet para todas as regiões. Algo desafiador considerando-se que o Brasil é um país continental. Porém, esse cenário deve mudar. O Conselho Diretor da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) aprovou por unanimidade, durante sua 18ª Reunião Extraordinária, a conferência de direitos de exploração de satélites às empresas SpaceX e Swarm.


Elon Musk

O colegiado conferiu direito de exploração ao sistema de satélites não geoestacionários Starlink à empresa Space Exploration Holdings, para operação no Brasil por meio de seu representante legal, a Starlink Brazil Holding Ltda, até 28 de março de 2027, sem direito à proteção e sem causar interferências prejudiciais nos sistemas não geoestacionários Kepler, em banda Ku, e O3b, em banda Ka. O proprietário da Space é o badalado empreendedor Elon Musk.

À empresa Swarm Technologies Inc, a Anatel conferiu direito de exploração e de uso de radiofrequências para o sistema de satélites não geoestacionários Swarm, por meio de seu representante legal, a Swarm Brazil Satélites Ltda, até 7 de setembro de 2035.


Falta de Conexão

Numa Live no Instagram do Agrobid, o instrutor de máquinas agrícolas, Adenilson Jardulle , comentou sobre a falta de cobertura de internet nas áreas rurais. "A agricultura de precisão se expandiu de forma grandiosa. O grande desafio hoje é a conexão. Ainda não temos uma internet à altura para manter isso", alertava.


Internet para todos

A SpaceX pretende, no médio prazo, colocar em operação a constelação Starlink, composta por 4.408 satélites de órbita não geoestacionária. Segundo o conselheiro Emmanoel Capelo, “é do interesse da empresa o provimento de acesso à internet em banda larga para clientes distribuídos em todo o território brasileiro, o que, certamente, será bastante oportuno para escolas, hospitais e outros estabelecimentos localizados em regiões rurais ou remotas”.


A Swarm Technologies, por sua vez, deverá, também no médio prazo, colocar em operação a constelação Swarm, composta por 150 satélites de órbita não geoestacionária. Com isso, será possível o provimento de serviços de transmissão bidirecional de dados para telemetria e telecomando orientados a aplicações da Internet das Coisas (IoT).


Segundo deliberação da Anatel, qualquer alteração nas quantidades de satélites dos sistemas não geoestacionários exigirá nova autorização por parte da Agência. Em seu voto, Campelo destacou que “as novas constelações de satélites não apenas são compostas por centenas ou milhares de artefatos, mas também já contam com promessas de ampliações desses quantitativos”.


Loja Agrobid

O Marketplace do Agro oferece uma série de tratores, colheitadeiras, plantadeiras e pulverizadores para incrementar a produção na sua fazenda. Para comprar e vender é simples! Basta acessar o agrobid.superbid.net e conhecer um universo de oportunidades em máquinas agrícolas.





1/91