• Agrobid

Saiba como as baixas temperaturas vão afetar a sua produção

Updated: Jun 21

Frio intenso atingiu regiões do Sul, Sudeste e Centro-Oeste do Brasil nesta semana


Agrobid Marketplace Agro - Saiba como as baixas temperaturas vão afetar a sua produção
Frio e geadas atingiram as regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste nesta semana | Foto: Unsplash

A queda brusca nas temperaturas durante a última semana assustou moradores de vários estados, principalmente das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste do país. No Mato Grosso do Sul, cidades como Antônio Moreira e Ponta Porã, que fazem fronteira com o Paraguai, já registraram a mínima de 4°C; no Sudeste, São Paulo chegou à 6°C durante o dia de quarta-feira (18) e regiões do cerrado mineiro, onde há grande produção de café, sofreram com alguns pontos de geada.


Os impactos do clima para os produtores rurais e as previsões para as próximas semanas foram tema de mais um Papo de Agro, que contou com a participação do meteorologista da Rural Clima, Alexandre Nascimento. Para ele, apesar do intenso frio e das fortes rajadas de vento, as temperaturas não são piores do que as registradas em 2021 e essas mudanças de temperatura devem ser passageiras.

Ciclone do Sul

A ameaça de ciclone com ventos de até 100km/h na parte leste do Rio Grande do Sul fez entidades como a Defesa Civil emitirem alertas durante todo o dia para possíveis estragos e quedas de árvore em Porto Alegre e cidades próximas. Mas, de acordo com Alexandre, não há motivo para pânico, já que o fenômeno deve diminuir e seguir para fora do continente em breve. “Esse fenômeno é muito forte, mas muito rápido também. O ciclone extratropical se forma no continente e deve seguir em direção ao oceano.”


Culturas afetadas

As regiões produtoras de baixada podem sofrer um pouco com as geadas e as culturas de café, feijão e hortaliças devem ser as mais afetadas com o frio intenso. No entanto, Alexandre Nascimento enfatiza que não devem ser grandes as ameaças nessas regiões, já que o clima frio não deverá ser tão prolongado e nem tão intenso quanto o do ano passado.


Quando as temperaturas sobem?

Durante toda a semana o produtor ainda deve sofrer com as temperaturas baixas, principalmente Rio Grande do Sul, Santa Catarina e a parte Oeste do Paraná. As regiões mais elevadas desses estados também devem se preparar para as geadas. “Geadas são um fenômeno peculiar, porque dependem não só do clima, mas das condições do solo, da cultura que é cultivada, então elas não têm relação necessariamente só com o frio.”


Para ele, os fenômenos que aconteceram nessa última semana não definem, necessariamente, como será o inverno. “A próxima estação deverá ser bastante úmida e com maior possibilidade de chuvas, mas ainda é cedo para afirmar que o frio será tão intenso do início ao fim.”


Produtor! Você sabia que pode vender e comprar máquinas agrícolas e animais de forma online, segura e sem intermediários? Confira as oportunidades de negócio aqui no nosso Marketplace.



1/78